quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

DNA HUMANO E PLANETÁRIO

Em 2009/2010, foi descoberta uma nebulosa em forma de DNA, cuja rara formação ocorre a cada 10 mil anos. Como energia, estamos todos entrelaçados/interligados tal qual a molécula do DNA.

Este evento cósmico sugere a reativação (despertar) de novos filamentos do DNA humano, cujos 10 filamentos restantes são interpretados pela ciência como DNA "lixo", sem função aparente. No entanto, a civilização Atlante usufruia dos 12 filamentos conferindo-lhes propriedades como telepatia, telecinese e outras habilidades "mágicas", assim como ocorre com determinadas crianças que vem nascendo desde a década de 80 e, com mais intensidade, desde 2008. Alguns estudiosos estão assombrados com a descoberta de um 3º filamento de DNA em determinadas crianças tidas como "superdotadas".

Trata-se de colunas hológráficas que emanam as frequencias necessárias
para elevar o DNA humano e planetário. Isso significa que a massa crítica
minima da humanidade foi atingida, permitindo a ancoragem da nova frequencia necessária à ascenção do planeta. As piramides físicas (inclusive piramides HUMANAS) receberam esta nova frequencia e estão propagando-a pelo planeta, desencadeando os fenomenos naturais recentes. Nós conseguimos.

Autora Paula X

Nenhum comentário:

Postar um comentário