quarta-feira, 13 de julho de 2011

REALIDADE PARALELA? CIDADE É VISTA NA CHINA

 Aparição de edifícios e árvores se eleva acima do rio Xin'an
em Huanshan City no leste da China depois de chuvas fortes.
 O horizonte sobre o rio geralmente é clara.
Uma ilha inteira com árvores, prédios altos e montanhas,
pode ser visto à luz ao anoitecer na cidade chinesa,
onde horas antes era apenas uma extensão de água
A miragem mostra os contornos detalhados dos edificios da cidade
Escritório e apartamentos foram vistos por moradores,
que disseram que a miragem foi a mais espetacular
de uma safra recente que atingiu a região


Segundo uma das fontes chinesas o ChinaDaily.com, uma incrível miragem surgiu após uma chuva torrencial que causou uma névoa densa e sobre a qual surgiu uma miragem perfeita de uma cidade com prédios, ruas, movimentos, luzes e várias construções além de montanhas e árvores.

A filmagem foi feita pela CCTV – Central China TV – e foi realizada durante as quatro horas que a miragem permaneceu sobre as névoas e foi vista por milhares de pessoas, turistas e curiosos atraídos para o local.

Segundo a reportagem a miragem ocorreu no Dia do Trabalho, no domingo, a pequena cidade recebeu mais de 30.000 turistas neste dia.

Especialistas disseram que muitas miragens foram registrados em Penglai, na ponta da Península de Shandong, ao longo da história, o que tornou conhecido como um lugar de morada dos deuses.

Realidade paralela? Universo paralelo ou simplesmente a dimensão da outra polaridade deste planeta refletido numa falha dimensional?

Maria Teresa Cordeiro enviou esta Mensagem

GREGG BRADEN MATRIZ DIVINA


Existe um lugar onde todas as coisas começam, um lugar de pura energia, que simplesmente “é”. Nessa incubadora quântica da realidade, todas as coisas são possíveis. Em 1944, Max Planck, o pai da teoria quântica, chocou o mundo quando disse que essa “matriz” é a origem das estrelas, do DNA da vida e de tudo o que existe. Descobertas recentes acentuam a evidência de que a matriz de Planck – A Matriz Divina – é real. Para que a matriz participe da nossa vida com toda potência, precisamos compreender como ela funciona e qual linguagem ela reconhece. Esta tem sido a pesquisa de Gregg Braden durante mais de vinte anos.

A matriz divina chegou-me às mãos por intermédio de meu pai, um aficionado por temáticas relacionadas à espiritualidade e à ciência. Foi uma leitura que, a princípio, tratei de maneira despretensiosa, mas não sem pautar sob o crivo da dúvida as idéias ali contidas. Não tenho o hábito de ler livros que versam sobre Espiritualidade muito em parte pelo fato de que propagam muitas idéias inverossímeis e, o que eu acho pior, tendenciosas.

Ao mesmo tempo, eu não aprovo também essa minha atitude de preconceito. E no caso desse livro uma vez que me foi feita a proposta de leitura, eu paguei para ver. O livro aborda questões muito interessantes que, de certa forma, tem me intrigado desde quando assisti ao filme Quem somos nós. A partir desse filme, passei a levar em consideração a maneira como me relaciono com o meu entorno além de buscar compreender como a vida é um campo amplo e infinito de possibilidades, de realidades possíveis.

No livro, o autor assevera e comprova existir um lugar de energia pura onde todas as coisas são possíveis: A matriz divina, uma espécie de incubadora quântica da realidade. Sabe aquela história de que o ser humano vive no mundo físico dos 10% ? Pois é, a Matriz Divina é o que me parece ser o mundo do 100%. Um mundo abrangente, uma nova realidade onde, transcedendo a mente lógica, enxerga-se além do aparente.

Voltando à Matriz Divina, Gregg Braden, o autor, discute a natureza holográfica do universo e como tudo que fazemos afeta a consciência coletiva desse mesmo universo. Ou seja, a minha, a sua, a nossa realidade é um espelho que mostra o que acontece em nosso interior.

Mas, não é algo dito sem as devidas comprovações científicas. Aliás, todas as afirmações citadas estão bem documentadas e referenciadas no livro. Dentre elas cito o experimento de observação do processo de separação de partículas. Quando duas partículas de células vivas, especificamente, do DNA são separadas, mesmo que a grandes distâncias, ainda continuam em comunicação uma como a outra. Isto é, apesar da distância entre o doador e amostra, o DNA age como se fizesse parte do corpo dele. Se o doador estiver nervoso ou qualquer que seja a emoção do momento, a amostra de DNA, seja onde estiver, refletirá isso também*.

Não há um lugar específico
onde realmente um corpo comece e onde ele termine
Tompson

Já parou pra pensar que tudo que dizemos e pensamos está por aí no universo refletindo as intenções das emoções que expressamos? Dá pra forjar um mundo muito melhor a partir desse conhecimento, não?

Nossas crenças afetam a manifestação da Matriz Divina, segundo Gregg Braden. E investimento emocional de boa fama é a chave para mudanças. Fiquei encantada em ver como Gregg quebra os cientificismos e expõe os conceitos didaticamente, de maneira a facilitar a compreensão do tema bastante complexo. Crendo ou não, é sempre bom investigar como vai a mente e o coração. È como sempre digo, leia tudo com senso crítico, botando as informações à prova e descartando o que não lhe calhar bem. O livro tem muito mais do que consigo ser capaz de dizer. Só lendo mesmo.